Como lidar com o medo infantil?

Medo InfantilAlgumas crianças enfrentam fases onde o medo se torna um sentimento frequente. Muitas vezes, sentem medo de tudo. Ficar no escuro, dormir sozinhas, ir ao banheiro. 

Três principais questões podem estar envolvidas no quadro de medo infantil

Por volta dos 3 anos, a criança começa a perceber-se no mundo como alguém diferente dos demais.

Dessa forma, começa a ter a noção de que existe o outro e de que ela é alguém separada de seus pais. E, num primeiro momento, essa descoberta pode causar medo e insegurança.

Outro aspecto a ser observado diz respeito à alguma consequência negativa na interação da criança com o ambiente, causando insegurança. Tais como: eventos como separação dos pais, bullying na escola, entre outros.

Bem como, a terceira questão refere-se ao fato de que o medo pode estar sendo abastecido por conteúdos inapropriados para a idade da criança.

Personagens como zumbis, vampiros, caveiras, múmias podem assustar. 

Mesmo que para nós esteja muito claro que fazem parte do mundo da fantasia, para as crianças isso não é tão claro assim. Acreditem…

As crianças ainda não tem estrutura para lidar com o limite entre a realidade e a fantasia. Por isso, é preciso cuidar com urgência dos conteúdos que estão chegando como informação e estímulo para essa criança.

Como dica, desconstruir esse monstro e tirar o seu poder, pode ser uma boa estratégia. Inventando histórias onde o personagem, antes assustador, tropeçou e caiu desastrosamente, por exemplo.

Assim sendo, o medo infantil vem nos contar que algo que tira a qualidade de vida da criança está acontecendo, por isso, vale uma observação cuidadosa sobre esse sentimento. 

O medo é normal

A criança está conhecendo um mundo e ainda se dando conta de sua posição nele. Por isso, faz parte do crescimento e desenvolvimento da criança.

O problema, entretanto, está quando ele é exagerado e/ou impeditivo, atrapalhando o cotidiano da criança ou de quem convive com ela.  

Fique atento(a) aos sinais!

O Inpa – Instituto de Psicologia Aplicada, Brasília oferece terapia infantil para o acompanhamento das crianças e auxílio em seu desenvolvimento. Por isso, entre em contato e marque uma consulta. Fone: (61) 3242-1153

Inpa- Instituto de Psicologia Aplicada- Brasília, DF

Por Keila Outeiral, Psicóloga

Share

Comente!





× Quer agendar a sua consulta?