Insatisfação do brasileiro com o próprio corpo está acima da média mundial

Brasileiro é o que mais recorre a remédio para emagrecer na América Latina

peso

A insatisfação dos brasileiros com relação ao peso está acima da média mundial. De acordo com o estudo, 35% se consideram “um pouco acima do peso”.

Conforme os estudos de Nielsen Holding, empresa especializada em pesquisa de consumo. Responderam aos questionários online um total de 25  mil pessoas, em toda a América Latina.

Os dados apontam que 12% dos brasileiros fazem uso de emagrecedores.  A média é a maior da América Latina, superando a da região (8%).

A média mundial daqueles que se consideram “um pouco acima do peso” é de apenas 35%. Os colombianos são os mais satisfeitos com o próprio corpo: 44% consideram satisfatório e 38% acreditam estar “um pouco acima do peso”. A média de satisfação com a própria aparência na América Latina de maneira geral é de 37%.

O brasileiro também é o mais insatisfeito com o peso

Aliás, o brasileiro também é o mais insatisfeito com a forma do próprio corpo. Cerca de 43% das pessoas acreditam estar “um pouco acima do peso” e 16%  “acima do peso”. Apenas 30% se consideram satisfeitos com a silhueta.

O estudo demonstra também que cerca de 50% dos brasileiros estão tentando emagrecer de alguma maneira. De modo que, dentre os quais, 76% apelam para a dieta e 64% buscam conseguir através de exercícios.

A população mexicana é a que mais busca se manter em forma, chegando a 66% a quantidade de pessoas que buscam perder peso. Uma vez que, 66% praticam algum exercício físico. Os peruanos são os que menos se exercitam, com uma média de apenas 49% da população realizando algum tipo de atividade física.

Inpa- Instituto de Psicologia Aplicada- Brasília

Share

Comente!





× Como posso te ajudar?